numberones

1. “What Have You Done For Me Lately”
2. “Nasty”
3. “When I Think Of You”
4. “Control”
5. “Let’s Wait Awhile”
6. “The Pleasure Principle”
7. “Diamonds (Herb Alpert feat. Janet Jackson & Lisa Keith)”
8. “Miss You Much”
9. “Rhythm Nation”
10. “Escapade”
11. “Alright”
12. “Come Back To Me”
13. “Black Cat”
14. “Love Will Never Do (Without You)”
15. “The Best Things in Life Are Free (Luther Vandross feat. Janet Jackson)”
16. “That’s The Way Love Goes”
17. “When I Think of You (Morales House Mix UK) [The Best Edition]”

18. “If”
19. “Again”
20. “Because Of Love”
21. “Any Time, Any Place (R. Kelly Remix)”
22. “Scream (Michael Jackson feat. Janet)”
23. “Runaway”
24. “Got ‘Til It’s Gone (feat. Q-Tip and Joni Mitchell) “
25. “Together Again”
26. “I Get Lonely”
27. “Go Deep”
28. “What’s It Gonna Be?! (Busta Rhymes feat. Janet)”
29. “Doesn’t Really Matter”
30. “All For You”
31. “Someone to Call My Lover”
32. “All Nite (Don’t Stop)”
33. “Call On Me (feat. Nelly)”
34. “Feedback”
35. “Make Me”
36. “Whoops Now [The Best Edition]”
37. “Make Me (Bimbo Jones Radio Edit) [iTunes Edition]”

17/11/2009 (EUA) | A&M/Universal Music

O fim dos anos 2000 não foi dos melhores para Janet Jackson. Após desentendimentos com sua gravadora, ficar doente e cancelar uma turnê mundial, Janet teve que enfrentar um dos maiores choques de sua vida: a morte de seu irmão, Michael Jackson.

Janet foi um dos poucos membros da família que não lançou alguma coisa ou participou de grandes eventos e tributos ao irmão. Seguindo um dos princípios que sempre fez questão de pontuar em sua carreira, Janet nunca subiu nas costas da família para conseguir sucesso ou atenção e não o faria agora, com a morte do irmão. Porém, no dia 13 de setembro, aconteceu o MTV Video Music Awards, na cidade de Nova York, e Janet fez história na TV ao fechar o tributo a Michael cantando ‘Scream’ pela primeira e única vez até então. A cantora foi aplaudida de pé por todos no Radio City Hall e a emoção em seu rosto era visível.

Mais tarde, naquele ano, Janet iniciaria um novo projeto. Em 17 de novembro era lançada mundialmente a segunda coletânea de Janet: Number Ones (“The Best” em alguns países), álbum que trazia 33 músicas dividas em dois discos. Todos os hits #1 da carreira de Janet restavam lá: Billboard Hot 100, R&B/Hip-Hop Songs, Dance/Club Play Songs etc. A novidade ficou por conta de ‘Make Me’. A nova faixa, produzida por Janet e Darkchild, também atingiu o #1 em janeiro do ano seguinte. Afastada da mídia desde o final da Rock Witchu Tour, Janet deu entrevistas e fez diversas apresentações na TV ao redor do mundo. Abriu o American Music Awards daquele ano com um medley de alguns dos seus principais sucessos e fez um show especial no Jingle Bell Ball, em Londres.

nomes4

Mas um dos grandes momentos da “Era Number Ones” veio em julho de 2010, quando Janet abriu o Essence Music Festival. Naquele ano, a revista Essence estava comemorando 40 anos e quis celebrar em grande estilo! Janet foi o destaque da noite de abertura do tradicional festival – que acontece todos os anos em New Orleans. A cantora se reuniu novamente com seus dançarinos, banda e coreógrafo para montar um show de quase duas horas exclusivamente para o festival. Mesmo tendo reciclado muitas coisas de sua última turnê, o show de foi incrível e obteve ótimas críticas. Provando que a cantora ainda era bastante relevante para a música e que o público sentia sua falta.

nomes3

Naquele período, Janet também voltou a se dedicar ao cinema, estrelando ‘Why Did I Get Married Too?’, sequência do sucesso de 2007 dirigido por seu amigo Tyler Perry, além de uma adaptação da dramática peça de teatro For Colored Girls. A cantora ainda foi garota propaganda da grife Blackglama e conseguiu tempo para terminar de escrever seu livro. Lançado em fevereiro de 2011, “True You” ficou em #1 na lista dos livros mais vendidos do The New York Times e recebeu ótimas críticas da mídia especializada.

nomes2

Mas foi em novembro que a cantora surpreendeu a todos, inclusive seus fãs, ao anunciar uma turnê mundial em comemoração ao sucesso de sua coletânea recém-lançada. Janet disse ter adorado a experiência do Essence Music Festival e de um show privado que havia feito em Nova York e que, por isso, gostaria de se conectar com fãs do mundo todo mais uma vez. Com um formato de show bem diferente do que estava acostumada a fazer, muito menor e intimista, Janet viajou por 11 meses com a Number Ones: Up Close and Personal Tour. A turnê quase passou pelo Brasil, tendo uma data confirmada para dezembro em São Paulo, mas que infelizmente foi cancelada devido “incompatibilidade de datas com a agenda de Janet”.

nomes7

Amada por uns, odiada por outros, a “Era Number Ones” trouxe Janet de volta à mídia, além de render novos recordes e méritos a uma das maiores artistas das últimas décadas. E por coincidência (ou não), marcou o fim de vários processos e boicotes sofridos pela cantora em decorrência ao fiasco do Super Bowl de 2004.

SINGLES

nomessingle

Make Me (Album Version) [3:38] 
Make Me (Main) [3:57] 
Make Me (TV) [3:57]
Make Me (Instrumental) [3:57] 
Make Me (Acapella) [3:57] 
Make Me (Craig J.’s Get It Up! Mix) [6:46] 

Make Me (The Bimbo Jones Remixes) 
Bimbo Jones Radio Edit [3:19] 
Bimbo Jones Vocal Remix [6:44]
Bimbo Jones Dub [8:24] 

Make Me (The Moto Blanco Remixes) 
Moto Blanco Radio Remix [3:25] 
Moto Blanco Club Remix [7:10] 
Moto Blanco Dub [7:10] 

Make Me (The Ralphi Rosario Remixes)
Ralphi’s Martini Mix [7:44] 
Ralphi Rosario Vocal [9:20] 
Ralphi Rosario Dub [8:15] 

Make Me (The Dave Audé Remixes) 
Dave Audé Radio Edit [3:10] 
Dave Audé Club Mix [8:01] 
Dave Audé Dub [7:16] 

Make Me (The DJ Dan Remixes)
DJ Dan Vocal Mix [3:03] 
DJ Dan Extended Vocal Mix [4:27] 
DJ Dan Peaktime Mix [6:30]